Como Manter o Equilíbrio Emocional

08/07/2017

Por Roselake Leiros

As pessoas encaram uma mesma situação de forma diferente. Isto acontece devido a sua história e a influência do seu meio. Em cada situação vivida direta ou indiretamente o indivíduo registra também os significados que deu a cada experiência. Quando alguém compreende algo como além das suas capacidades, mas tem que enfrentar, esse significado vai mexer com o nível de ansiedade, podendo gerar o desequilíbrio emocional.

Em geral, as pessoas lidam com situações desagradáveis de três formas. Uns se entregam à dor sem achar a saída, outros reagem violentamente contra ela. Há ainda aqueles que preferem fingir que nada está acontecendo. Mas relacionar-se assim com o problema gera mais sofrimento, além de afastar você da solução.

Todas as emoções são saudáveis. Assim como a alegria, a raiva, o medo e a tristeza, são parte de um significado. Então como conviver com os problemas de forma pacífica, porém ativa? Compreenda que situações complicadas irão surgir naturalmente na vida. O importante é manter-se equilibrado e firme no propósito de encontrar a solução mais apropriada.

O ideal é sair e olhar a situação de fora e reconhecê-la como sua, independente dos acontecimentos e circunstâncias externas. Não é o outro que o aborrece. É você que se aborrece com ele. O seu poder está em reconhecer a parte que é de sua responsabilidade e disponibilizar suas capacidades para mudar. Pensando diferente vai se comportar e sentir melhor.

Agora, se pergunte como amigo. O que especificamente dispara esse estado? Como você se comporta nessa situação? Que sensações físicas sente nessa hora? Quais emoções e sentimentos? Como você fala disso? Compara o problema com situações passadas? Está preocupado ou projetando acontecimentos futuros? Isso é fruto de coisas reais ou uma criação de sua mente? O que acredita a esse respeito? Como se percebe nessa hora?

Crie pelo menos três novas formas de comportamento e se imagine fazendo ou pensando assim. É possível lembrar de atitudes que teve em algum momento e ficou bem. Então por que não repeti-las? Ou até recordar de alguém que se comporta da forma que gostaria de agir. Faça igual.

Lembre-se: tudo pode mudar, basta que encontre um significado mais positivo. Toda questão tem pelo menos um aprendizado embutido nela. Que tal aprender? Você merece ser feliz. É importante e tem todas as capacidades para mudar. Se é possível para alguém, é para você também. Aprenda a se conhecer, a se curtir e a ser o seu melhor amigo.

Fonte:

https://blog.crersermais.com.br/como-manter-o-equilibrio-emocional+126696